Controle de Processos

Aqui você poderá acompanhar o andamento atualizado de seu processo. Para saber mais, contate-nos.

Webmail

Clique no botão abaixo para ser direcionado para nosso ambiente de webmail.

Newsletter

Inscreva-se. Nós do Furno Petraglia Advocacia teremos o prazer de mantê-lo informado acerca das novidades jurídicas que lhe interessem. Seu cadastro é muito importante para nós.

Endereço

Rua Bittencourt , 141 , Conj. 35
Centro
CEP: 11013-300
Santos / SP
+55 (13) 3219-1145+55 (13) 3223-3386

20/09/2021 - 18h32Desembargadores do direito público tratam de câmara especializadaNova unidade poderia assumir direito de família e sucessões

Magistrados conversaram com o presidente sobre a possibilidade de criar câmaras especializadas (Foto: Mirna de Moura/TJMG) O presidente do Tribunal de Justiça de Minas Gerais, desembargador Gilson Soares Lemes, recebeu, nesta segunda-feira (20/9), os desembargadores responsáveis pelas causas de direito público do TJMG para falar sobre a criação de uma câmara especializada, que poderia assumir feitos de família e de sucessões. Esse terceiro encontro encerrou a etapa de consulta e escuta de representantes das três pisões já adotadas no TJMG: câmaras de direito criminal, de direito cível privado e de direito cível público. O próximo passo será o envio da matéria à Comissão de Organização e Divisão Judiciárias. Além do desembargador Carlos Roberto de Faria, que participou do debate remotamente, por videoconferência, compareceram os desembargadores Alberto Deodato, Alexandre Quintino Santiago, Belizário de Lacerda, Corrêa Júnior, Marcelo Rodrigues, Maurício Torres Soares, Moacyr Lobato, Pedro Bitencourt Marcondes, Renato Dresch e Sandra Fonseca. O superintendente administrativo adjunto apresentou os estudos feitos para analisar a questão (Foto: Mirna de Moura/TJMG)  “Discutimos as formas de especialização, e os colegas têm em mente que é possível fazer isso, em relação a duas câmaras já existentes, e também com a instalação de uma ou duas outras, com especialidades cíveis, que serão ainda discutidas”, afirmou o presidente Gilson Lemes.
20/09/2021 (00:00)
Visitas no site:  6153240
© 2021 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia