Controle de Processos

Aqui você poderá acompanhar o andamento atualizado de seu processo. Para saber mais, contate-nos.

Webmail

Clique no botão abaixo para ser direcionado para nosso ambiente de webmail.

Newsletter

Inscreva-se. Nós do Furno Petraglia Advocacia teremos o prazer de mantê-lo informado acerca das novidades jurídicas que lhe interessem. Seu cadastro é muito importante para nós.

Endereço

Rua Bittencourt , 141 , Conj. 35
Centro
CEP: 11013-300
Santos / SP
+55 (13) 3219-1145+55 (13) 3223-3386

Comitê de Acompanhamento do Plano de Gestão discute andamento de projetos do TJSE

Acompanhar o andamento dos projetos do 2º ciclo da Gestão 2021-2023 do Tribunal de Justiça de Sergipe (TJSE) foi o principal objetivo da sexta Reunião do Comitê de Acompanhamento do Plano de Gestão (Caplag). Os 129 projetos do 2º ciclo deverão ser concluídos até o dia 19 de dezembro deste ano. Até agora, 66% deles estão em andamento e 22% já foram concluídos. Ao todo, 242 projetos são contemplados pela Gestão 2021-2023. Durante o encontro, realizado por meio de videoconferência, os gestores de projetos discutiram com o Presidente do Poder Judiciário, Desembargador Edson Ulisses de Melo, as demandas necessárias para a execução dos projetos. “É um trabalho compartilhado, como em um barco, em que todos devem remar. Temos como objetivo concluir as tarefas, dando efetividade aos projetos”, ressaltou o Des. Edson logo no início da reunião. O Diretor de Divisão de Planos e Programas do TJSE, Charlton Alexandro Andrade Almeida, fez uma breve apresentação sobre o trabalho do Caplag. “Podem contar com o Comitê para fazer com que os projetos de vocês andem”, salientou Charlton. Um dos projetos discutidos durante a reunião foi a criação de uma plataforma para audiências de conciliação e mediação. Segundo a Juíza Maria Luiza Foz Mendonça, a ideia é otimizar o exercício da prestação jurisdicional, mediante a disponibilização de sistemas informatizados, sob acompanhamento do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), a partir da Resolução 358/2020. “O projeto foi elaborado e agora o setor de tecnologia da informação precisa desenvolvê-lo”, informou a magistrada. O Juiz Auxiliar da Presidência, Fernando Clemente da Rocha, responsável pelo Departamento de Precatórios, informou que o cadastramento do TJSE no Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse do governo federal, previsto para o 3º ciclo, já foi concluído. Outro projeto já concluído foi o Curso de Segurança de Dignatários, no qual agentes da Polícia Federal capacitaram profissionais da Diretoria de Segurança do TJSE, aprimorando a segurança de autoridades do Tribunal, um dos pilares da segurança institucional. O Projeto Ergo Vida, realizado de forma online pelo Centro Médico do TJSE, também foi concluído. O objetivo é a prevenção de LER/DORT, promovendo a melhoria na qualidade de vida de servidores e magistrados que apresentam distúrbios osteomusculares relacionados ao trabalho. Alguns projetos foram transferidos do 2º para o 3º ciclo e outros, a exemplo do Gerenciamento das Certidões dos Oficiais de Justiça e Registro Eletrônico de Objetos Apreendidos em Procedimentos Criminais, estão em andamento e dependem ainda de continuidade no setor de tecnologia do Tribunal.
17/09/2021 (00:00)
Visitas no site:  6153377
© 2021 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia